Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.: Sobre o aumento da passagem de ônibus durante o feriadão

[intervenção sobre charge de Ivan Cabral]

Só vou andar de carro agora
NOMINUTO.COM - 05/set/2009
por Alex de Souza

Queria agradecer ao pessoal do Partido Verde pela brilhante iniciativa de aumentar o preço das passagens de ônibus da capital. Arrumaram a desculpa que eu queria para mandar o meio ambiente se reiar pra lá.

Moro às margens da avenida Ayrton Senna, naquele estranho território conhecido como Nova Parnamirim. E, não sei se vocês sabem, mas a sede do Nominuto fica em Candelária, perto do Natal Shopping (pra quem tem a manha de dar uma caminhadinha). É um rolé de mais ou menos oito quilômetros.

Como quem parte um dia retorna, são uns 16 quilômetros que enfrento diariamente num ônibus, por obrigação. A partir de amanhã, essa viagem vai me custar R$ 4. Então, para economizar dinheiro, na semana que vem entro na auto-escola. Já decidi: agora só ando de carro.

O utilitário que tenho em casa faz em média 12 quilômetros com um litro de gasolina, que custa mais ou menos R$ 2,56. Aqueles 16 quilômetros saem por R$ 3,41. Como eu trabalho de segunda a sexta e um sábado por mês, façam as contas e vejam que eu economizarei R$ 12,39 nas contas mensais.

A sorte, galerinha do Partido Verde, é que não sei andar de moto. Mas deixo o conselho a vocês, leitores: comprem uma moto e entupam cada avenida, artéria, corredor, via livre ou escambau com seus pequenos demônios sobre duas rodas, de preferência com o cano de escape desregulado e o motor bem barulhento.

Porque, meus caros, qualquer CG 125 da vida faz em média 35 quilômetros por litro de gasolina. No meu caso, gastaria apenas R$ 1,17 para enfrentar a lide (e o lead).

Então, daqui a alguns dias, a gente se esbarra por aí, num engarrafamento na BR-101, na Salgado Filho, na Hermes da Fonseca, na Prudente de Morais, na Bernardo Vieira, na Ponte de Igapó, na Ayrton Senna, na Jaguarari, na Afonso Pena, na Romualdo Galvão, na Roberto Freire, na Coronel Estevam e em todos esses cus-de-burro espalhados pela cidade.

Sejamos, portanto, pacientes e cordiais uns com os outros, enquanto descarregamos a fumaça preta de nossos veículos sem dó nem piedade. O meio ambiente, já disse, se reie para lá.

Ah, mas você é liso e tem que pegar ônibus à fina força todo dia? Então, amigo velho, se reie para lá também.

Se a galerinha do Partido Verde não liga, por que deveria eu?

# Leia mais sobre o assunto:

1. Prefeitura descarta reajuste nas passagens de ônibus
[Digizap/Secom - Prefeitura do Natal -
29/mai/2009]

2. Reajuste nas passagens de ônibus está descartado
[Jornal de Hoje -
29/mai/2009]

3. Passagem de ônibus passa a custar R$ 2,00 a partir de domingo
[Tribuna do Norte -
04/set/2009]

4. Tarifa de ônibus de Natal vai a R$ 2,00 no domingo
[Tribuna do Norte -
05/set/2009]

5. População fica surpresa com aumento das passagens
[Tribuna do Norte -
06/set/2009]

>>> Comentário pertinente: o grande problema não é o aumento da passagem em si, e sim a qualidade sofrível do sistema de transporte público em Natal: frota capenga, demora nos pontos, constantes atrasos, desconforto... gostaria que empresários das empresas de ônibus e políticos passassem um dia como pedestre para ver se a coisa é tão boa e bela quanto anunciam.

0 comentários:

Postar um comentário