Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Buracos, falta de iluminação e limpeza são alguns problemas da Orla de Ponta Negra - ATÉ QUANDO ESPERAR?

Turistas, comerciantes reclama do descaso com a orla mais famosa de Natal

Inter TV Cabugi
Quem frequenta a Praia de Ponta Negra e caminha pelo calçadão já percebeu que há muitos obstáculos pelo caminho.

Acompanhe na reportagem de Luiz Alberto Fonseca.

Cuidado ao dar um passeio na orla de Ponta Negra. Basta um descuido, e o pedestre pode tropeçar em um buraco ou nas pedras soltas do calçadão. Fora que esse tipo de calçamento não é o mais indicado para a pratica de cooper, caminhada. Até para passear com a cadeira de bebe não é tao bom. O turista de são paulo reclama.

- Trepida um pouquinho, acaba atrapalhando o trajeto do pessoal – diz Valter Faria,turista.

Na escadaria, grades de ferro do chão estão quebradas e tem mais pedras soltas e buracos. Alias, isso é uma constante . Em vários pontos da orla, os acessos a praia estão quebrados. A rampa já não existe, em outro local sacos de areia viram degraus.

Poucas lixeiras algumas, inclusive, quebradas. Em compensação lixo é o que não falta. Sacos no calçadão, na areia. Tem lixo na galeria que escoa água da chuva, junto com mato e liquido mal cheiroso. Provavelmente um esgoto clandestino. Outra irregularidade,motos no calçadão, estacionadas, circulando entre os pedestres. Um perigo.

Beto trabalha na orla de Ponta Negra há quatro anos. Ele é guia de turismo e tem uma reclamação muito seria para fazer.

- Falta banheiro, a gente não tem banheiro nem para o pessoal que trabalha na orla, quanto mais para o turista. Então, é invasão de lugares abandonados, casas vendidas que estão em negociação, que servem de banheiro público e outro tipo de abrigo para pessoas que fazem mal uso do lugar – diz Beto Katrip,guia.

Ainda não havia escurecido e alguns postes estavam acesos, outros apagados. Muitas pessoas,turistas, comerciantes, procuraram a nossa equipe de reportagem para reclamar da iluminação pública. Eles dizem que quando anoitece, vários pontos da orlam ficam as escuras. E isso torna o local bem perigoso.

E ainda tem os postes rachados, como risco de cair, com a estrutura de metal bem visível. Seu Geraldo vende milho na orla há 9 anos e reclama. Diz que esse problema da escuridão afasta a clientela.

- O turista vem com medo de andar, porque ele já vem assustado, chega aqui e vê o passeio escuro o que é que você acha? - questiona o ambulante,Geraldo Batista.

0 comentários:

Postar um comentário