Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Nominuto - 25/02/2008 :: QUALIDADE DA ÁGUA NA ZONA NORTE ESTÁ COMPROMETIDA

CMN discute qualidade da água na Zona Norte
Contaminação por nitrato foi um dos pontos mais discutidos durante a audiência pública na Câmara Municipal.

Repórter: Júlio Pinheiro
Foto: Vlademir Alexandre

Câmara Municipal do Natal promoveu uma audiência para discutir a qualidade da água na Zona Norte

A qualidade da água de Natal continua sendo motivo de preocupação para as autoridades do município. Na tarde desta segunda-feira (25), a Câmara Municipal do Natal promoveu uma audiência pública para que as condições da lagoa de abastecimento da Zona Norte fossem debatidas entre lideranças e vereadores.

As construções irregulares e direcionamento de esgotos para a Lagoa de Extremoz, que abastece a Zona Norte de Natal, são alguns dos pontos que levantaram a maior preocupação dos participantes da audiência. No entanto, não foram só os moradores da região que demonstraram a insatisfação com a contaminação da água.

Também presentes à audiência, representantes da prefeitura de Extremoz informaram que está havendo um combate à poluição da lagoa, estando, inclusive, proibidas novas construções no local há mais de um ano.

Porém, mesmo após denúncias ao Idema – que não esteve presente á audiência –, os representantes de Extremoz dizem que não vêem a entidade responsável pela fiscalização das obras tomando atitudes para punir os infratores, que poluem a água que é consumida por milhares de pessoas na Grande Natal.

“É lamentável que o Idema não esteja presente a uma discussão tão importante quanto essa”, disse o vereador Salatiel de Souza (PSB), propositor da discussão.

Visando ampliar o debate acerca da água consumida na região metropolitana de Natal, os participantes da audiência propuseram a criação de um comitê para trabalhar pela conservação da Bacia Hidrográfica da região. Além disso, também ficou agendado um debate sobre o tema na Câmara Municipal de Extremoz para a primeira quinzena de maio.

Presença

Mesmo com o debate sendo direcionado para discutir a questão da água na Zona Norte de Natal, moradores das Quintas, Capim Macio, Mãe Luíza e Lagoa Nova também compareceram à CMN para demonstrar a preocupação com a água que abastece esses bairros, que, em alguns casos, apresenta nível de concentração de nitrato acima do tolerável.

Além desses moradores, também compareceram representantes das secretarias estadual e municipal (de Extremoz) de Recursos Hídricos, diretor da região metropolitana na Caern, Isaías Filho, e vereadores de Natal.

Os representantes do Ministério Público justificaram a ausência, ao contrário do Idema, que não enviou ninguém para o debate.

0 comentários:

Postar um comentário