Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

.: Proteção Real e Imediata

Hora de prevenir

Estamos fartos de remediar, de corrigir erros de gestores incompetentes, dos absurdos e arbitrariedades que vez por outra assola essas terras. A atual batalha que queremos Proteção Real e Imediata é para impedir a construção de um emissário submarino proposto pela Caern como 'única solução' para resolver a questão do saneamento básico de Nova Parnamirim e da Zona Sul de Natal.

Muitas falhas foram identificadas no projeto como falta de estudos completos sobre o impacto ambiental e a não consideração de incluir no projeto uma estação para tratamento prévio dos esgotos antes do lançamento no mar.

Clique aqui e fique por dentro do assunto. Participe!!



Outra visão da linha (AMARELA) imaginária determinada pela Lei Estadual de 1987, a linha da SEMURB (ROXA, após alteração da Lei em 1994), e NOSSA HUMILDE PROPOSTA para garantir a proteção efetiva da área (linha VERDE).

Veja nos links abaixo outras postagens sobre as marcações que a Prefeitura/Semurb quer nos empurrar goela abaixo:

1. SITUAÇÃO POR OUTRO ÂNGULO
2. CINCO FERIDAS: SE ABERTAS NÃO TERÃO CURA
3. ATÉ ÁREA DE LAZER ESTÃO QUERENDO TOMAR
4. AS CORES DO PLANO DIRETOR DE NATAL

O QUE É SOS PONTA NEGRA?

Movimento popular sócio-ambiental criado em agosto de 2006 com o objetivo de propor um amplo debate sobre o equilíbrio entre desenvolvimento e qualidade de vida no bairro/praia de Ponta Negra - Natal RN Brasil.

Parceiros

Movimento Filhos de Ponta
Aspoan - Associação Potiguar dos Amigos da Natureza
AmePontaNegra - Associação dos Moradores e Empresários de PN
Surfistas de Cristo
Resistência da Lata
Conselho Comunitário de Ponta Negra

Associação de Moradores dos Conjuntos Ponta Negra e Alagamar
Coletivo Leila Diniz
Ministério Público do RN
Natal Voluntários
Ong Resposta
Nativas do Campus UFRN
Movimento pró-Pitimbu
SOS Tabatinga
Sociedade dos Poetas Vivos e Afins do RN
Pau e Lata
Tropa Trupe
Capoeira Arte/Vida

5 comentários:

Raelma Mousinho disse...

Acredito que o Ministério Público será bem sucedido na Ação Civil Pública, pelo menos no início, o que fará com que as edificações sejam paralizadas. Como estas ações demoram muito, será muito bom. Até porque a tendência é de se proteger o meio ambiente cada vez mais com o tempo.. Se bem que a lei ambiental em vigor já protege este tipo de coisa que vcs (nós) gostaríamos que fosse preservada: a vista do morro. A poluição visual é evidente neste caso em questão.
Boa sorte para todos nós moradores de Ponta Negra e de Natal, que com certeza perderia muito com uma monstruosidade de concreto no seu maior cartão postal.

Anônimo disse...
Este comentário foi removido por um administrador do blog.
tertu disse...

caro yuno,
vi a matéria sobre a construção dos espigões. mais que louvável!
vamos nos juntar tb na blogosfera e ampliarmos o movimento.
envio-lhe dois endereços que lhe podem ser de grande valia:
http://www.radarpotiguar.blogspot.com (do jornalista paulo augusto)
http://www.lauravive.blogspot.com
esse caso precisa tb de uma repercussão nacional e até internacional a exemplo da matéria sobre o "europrostíbulo".
abs e sucesso! terto

Jonathas disse...

Isso é um absurdo!!!

Yuno Silva disse...

anônimo, como já disse em outro comentário igualzinho que vc postou em outro local: não podemos perder o foco, temos que vencer uma batalha de cada vez e não querer ganhar a guerra na primeira luta. Eu vou votar com nariz de palhaço, vá tb. abração.

Postar um comentário