Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Correio da Tarde - 14/03/08 :: OBRAS LEVAM TRANSTORNOS À MORADORES DE MÃE LUÍZA

Repórter: Allan Darlyson
Foto: Alberto Leandro


Entulhos nas calçadas fazem com que moradores sejam obrigados a andar na rua

Com o prazo de conclusão para o final de 2006, as obras de saneamento básico do bairro de Mãe Luíza ainda não apresentam indícios de que serão finalizadas, provocando indignação nos moradores da região.

Na manhã de hoje, eles fizeram a denúncia de que aproximadamente 30 pessoas estão trabalhando nas obras, que, segundo eles, precisariam de uma média de 100 operários para concluírem a realização do trabalho ainda este ano.

O trabalho da construtora Gaspar S/A, responsável pelas obras, é questionado por populares, por causarem transtornos no trânsito e na rotina da comunidade. Fragmentos de asfalto e entulhos tomam conta das calçadas próximas às obras. O trânsito é prejudicado pelos sucessivos desvios e, algumas vezes, correndo até risco de acidente, como aconteceu nessa manhã, quando um menino, que aparentava 5 anos, teve que sair da calçada, ocupada por entulhos, e dividiu o espaço da rua com um ônibus, que por pouco não atropelou a criança.

O líder comunitário Jonas Lima reclamou da ineficiência da construtora na realização do trabalho e da falta de comprometimento do Governo do Estado com a população. "A empresa está com pouca gente e não estão conseguindo trabalhar com a rapidez que deveria. Além disso, só estão fazendo a rede de esgotos. Cada morador terá que pagar para ligar sua casa a essa rede sem ter condições financeiras para isso", reclamou.

Jonas cobra providências do governo para resolver o problema da maneira mais rápido possível. Ele informou que vai às casas legislativas do município e do estado para tentar marcar uma audiência pública sobre o assunto e cobrar mais operários para a obra. "Aqui em Mãe Luíza tem tanta gente desempregada, eles deveriam chamar esse povo para trabalhar e não deixarem a obra praticamente parada, servindo somente para causar problemas", sugeriu.

Banheiros químicos

Outra reclamação de moradores do bairro é com relação às praias de Areia Preta e Miami. Apesar delas serem freqüentadas por um contingente muito alto de pessoas, tanto turistas como natalenses, o local não possui banheiros químicos e segundo banhistas, isso prejudica a própria praia, já que, a maioria das pessoas acabam urinando dentro da água.

0 comentários:

Postar um comentário