Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Matéria DN 22/3 :: Prefeitura promete cinco para cada árvore derrubada

Prefeitura promete cinco para cada árvore derrubada

FotoCarlos Santos/DN

Canteiro de obras da avenida Bernardo Vieira onde houve corte de árvores

Apesar da polêmica sobre a retirada de árvores na avenida Bernardo Vieira, um projeto vai garantir o plantio de novas mudas ao longo da via, tanto nos canteiros, quanto em áreas específicas. O secretário municipal de Obras e Viação (Semov), Damião Pita, disse que é praticamente impossível pensar na obra sem envolver a questão ambiental.

‘‘Os detalhes paisagísticos não foram deixados de lado. A questão das árvores é uma necessidade para a execução do projeto. Com o estreitamento dos canteiros, é preciso cortar raízes até para evitar acidentes, mas nós estamos trabalhando em parceria com a Secretaria Municipal de Serviços Urbanos (Semsur) e com a Secretaria Municipal do Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb) para plantar, imediatamente, pelo menos cinco árvores para cada uma que for derrubada’’, diz o secretário.

Desde janeiro que a avenida Bernardo Vieira está passando por obras para o alargamento de suas vias, o que provocou a retirada de algumas árvores. Caberá a STTU fazer o estudo para identicar quais árvores serão replantadas e onde devem ser colocadas as novas mudas, que terão um tamanho mediano. Ainda esta semana, o material será encaminhado à Semurb, que vai iniciar uma nova etapa do projeto, verificando o tipo de solo presente nos locais e selecionando as espécies indicadas para o plantio. O objetivo é minimizar os danos causados ao meio ambiente durante a execução da obra.

Além do projeto paisagístico e do alargamento das vias de acesso, que vão permitir a disponibilização de três faixas de rolamento na avenida Bernardo Vieira, sendo uma exclusiva para ônibus, o trabalho conta ainda com o recapeamento asfáltico. ‘‘Essa é a parte mais rápida e deve ficar pronta em um mês. O asfaltamento vai evitar o surgimento de buracos por, aproximadamente, cinco anos’’, revela o secretário Damião Pita. A obra está orçada em R$ 4 milhões e a finalização está prevista para o final de junho, quando será inaugurada já com o projeto paisagistico pronto.

0 comentários:

Postar um comentário