Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Pesquisa de Opinião Pública :: Imagem sócio-ambiental

Pesquisa de Opinião Pública

Tema: Imagem sócio-ambiental dos Moradores dos Parques Residenciais Ponta Negra e Alagamar

Alguns moradores dos conjuntos Residenciais Ponta Negra e Alagamar, preocupados com a rápida deteriorização da qualidade de vida do bairro, passaram a se reunir para encontrar formas de luta que fossem capazes de reverter essa situação.

Dentre varias atividades: reuniões, encontros, assembléias, uma se mostrou importante, a Pesquisa de Opinião Pública e com a gentil colaboração da Consult Pesquisa pudemos realizá-la. A etapa de campo ocorreu entre os dias 22/02 e 25/02/2007.

Um breve olhar sobre os resultados

A pesquisa tem o objetivo de identificar junto a população residente nos Conjuntos Ponta Negra e Alagamar da cidade do Natal/RN, os maiores problemas enfrentados pelos moradores, grau de satisfação com a moradia atual, e a opinião dos residentes em relação à expansão turística/imobiliária nos conjuntos.

Então vejamos:

Quando questionado sobre qual é a principal característica dos conjuntos, caso fosse descrevê-los para um amigo que não os conhece a maioria 32,8% o descreve como tranqüilo/sossegado/calmo e 11,4% o descreve como perto da praia demonstrando, ainda a característica de um conjunto residencial.

Num outro quesito de quanto tempo pretende permanecer no bairro a esmagadora maioria de 77,1% diz que não pretende mudar.

Quanto ao grau de satisfação de morar aqui 91,7% se diz satisfeito e muito satisfeito. Agora ao se questionar sobre qual o maior problema enfrentado observa-se que 44,7% aponta a insegurança e que 14,6% a falta de saneamento.

Questionados se aprovam ou não que venham a ser construídos edifícios dentro dos conjuntos, a pesquisa demonstra que 75,9% desaprovam e 15,4% aprovam. Outro dado estimulante é que quando questionados sobre se venderiam suas residências 49,4% responderam que não.

Falando sobre a verticalização do bairro 65,0% dos moradores responderam que a construção de edifícios fará com que piore a qualidade de vida da população contra 9,9% que responderam que melhore a qualidade de vida.

Outro quesito sobre a verticalização respondido pelos moradores foi sobre se assinariam um abaixo-assinado contra a transformação das casas em prédios, aqui 66.3% responderam que sim. Falando ainda sobre a verticalização 74,2% responderam que limitariam em até quatro pavimentos o gabarito das construções.

Quanto a questão dos usos questionou-se sobre um abaixo-assinado em favor da manutenção de casas residenciais nos conjuntos a grande maioria disse sim, ou seja, 79,4%. No que diz respeito à participação dos moradores em respeito de opinar sobre as licenças para novas construções nos conjuntos a maioria de 59,9% responde que gostaria de opinar. Respondendo sobre a questão do crescimento do turismo em Ponta Negra 66,1% se mostram a favor.

Como o resultado da pesquisa demonstra os moradores dos Conjuntos Ponta Negra e Alagamar buscam qualidade de vida em seu local de moradia, não são contra o crescimento da cidade, com a implementação do turismo, porem, na sua grande maioria pretende que o bairro permaneça com as características de um bairro residencial uni familiar conservando suas residências em detrimento a construções de espigões que venham piorar, a já débil, coleta de esgoto. E nem em nome do crescimento do turismo se instale no bairro “pousadas” de finalidade duvidosa como as que já existem.

Outro fator a ser considerado é a questão da vontade dos moradores de permanecer morando nos conjuntos. Como vemos a atual onda de verticalização que ocorre no bairro vem de encontro com os anseios da população, que mesmo não sendo contra o progresso, quer que o local que escolheu, com muito sacrifício, para morar não seja transformado em um loteamento vertical que destrua a já frágil infra-estrutura e qualidade de vida.

* pesquisa realizada por alunos do 5º período do Curso de Arquitetura e Urbanismo da UnP

0 comentários:

Postar um comentário